!-- Global site tag (gtag.js) - Google Ads: 622731988 -->
 
Buscar
  • Emiliano

Cálculo judicial, o que é cálculo judicial?

O que é Cálculo judicial?


A complexidade do Direito brasileiro requer, para uma boa análise, o emprego de ferramentas matemáticas. Esse é o objetivo do calculo jurídico, que possibilita aos operadores do Direito realizar cálculos precisos com base em normas e casos concretos. Por meio de técnicas matemáticas, os profissionais da área podem obter resultados exatos sobre questões jurídicas. Isso é de grande importância para a tomada de decisões inteligentes e seguras.


O cálculo jurídico é essencial para solucionar problemas como a quantificação de danos morais, a divisão de herança e a determinação de alimentos, por exemplo. Além disso, o uso do calculo jurídico permite que o juiz analise com mais precisão os pedidos apresentados em uma ação judicial, auxiliando no julgamento.



É importante ressaltar que o calculo jurídico deve ser sempre utilizado de forma integrada com a jurisprudência e a doutrina, pois é a partir delas que o juiz obtém subsídios para tomar suas decisões. Assim, o calculo jurídico não deve ser visto como uma ferramenta autônoma, mas sim como um auxílio para a tomada de decisões mais acertadas pelo judiciário.


Apesar de ser uma ferramenta essencial, o calculo jurídico ainda é pouco utilizado pelos operadores do Direito no Brasil. Isso se deve, em parte, à falta de familiaridade com os cálculos e à dificuldade em encontrar bons professores especializados. Outro motivo é a baixa qualidade dos softwares jurídicos disponíveis no mercado nacional. Esperamos que esse cenário mude nos próximos anos e que o cálculo jurídico seja cada vez mais valorizado pelos profissionais da área. Dessa forma, é importante que os profissionais da área se familiarizem com os seus conceitos básicos, pois o uso adequado do calculo jurídico pode trazer grandes benefícios para o Judiciário.

6 visualizações0 comentário

Blog Cálculos Judiciais CJO